Como reduzir custos com sistema de ponto eletrônico?

Posted by:

Nos últimos anos, o uso do papel no departamento de Recursos Humanos foi dispensado em inúmeras situações, como nos processos de recrutamento e seleção, pesquisa de clima e no controle de ponto. A automatização utilizando o sistema de ponto eletrônico proporciona otimização de tempo ao RH. 

Entretanto, no caso do ponto eletrônico, a vantagem da automatização vai além. Utilizar um sistema de ponto eletrônico assertivo também ajuda a reduzir custos e gera economia para a empresa. 

Primeiramente, quando o controle de ponto é feito de forma manual, ou seja, no papel, além da exposição a possíveis fraudes, o cálculo de horas fica suscetível a erros que podem gerar processos trabalhistas. 

Com um sistema de ponto eletrônico, o gestor consegue visualizar, em tempo real, situações, como exemplo, de sobrejornada, adicional noturno e hora extra. Então, ao visualizar essas informações em relatórios automatizados, o gestor consegue uma tomada de decisões que contribui para a redução de custos.

Além disso, no caso do ifPonto, o sistema se paga, geralmente, com cerca de 5% da economia gerada pelo próprio software. A iFractal disponibiliza um simulador de economia que indica as possíveis porcentagens de redução de custos sobre abonos duvidosos, horas extras e questões trabalhistas.  

 


Este conteúdo foi desenvolvido pelo núcleo de comunicação da iFractal, com base na experiência, informações e pesquisas nas áreas de Recursos Humanos e Tecnologia da Informação, sob a supervisão editorial de Caio Carraro Gomes da Costa. O compartilhamento deste conteúdo é livre, desde que citada a fonte e que não seja alterado, manipulado ou reeditado. As opiniões das entrevistas são de responsabilidade de seus autores e não refletem, necessariamente, a posição da iFractal.

0
  Posts Relacionados