Blog

Como otimizar a gestão de horas extras dos funcionários

Posted by:

Entra mês, fecha mês e o gestor de RH sempre se depara com as inevitáveis horas extras no sistema de ponto dos colaboradores. Muitas vezes, não acompanhada de um aumento de produtividade.

Algumas ações simples combinadas permitem otimizar a gestão da jornada de trabalho dos colaboradores, especialmente quanto às horas extras no sistema de ponto. Reunimos a seguir algumas dicas com base na experiência de profissionais de RH e ferramentas de gestão para controle no sistema de ponto dos funcionários.

 

Adote o hábito de monitorar diariamente as divergências

Isso pode ser trabalhoso se você não tiver algum processo ou ferramenta adequada. Contudo, se tiver um software de gestão de ponto em nuvem e este possuir monitor de divergências, procure acessá-lo diariamente.

Nele, você terá um relatório gráfico, em tempo real. Por exemplo, sobre quantos funcionários estão na empresa, atrasados, afastados por questões médicas, de férias, de licença, antecipados e, principalmente, quantos iniciaram hora extra.

Evite acumular horas extras no banco de horas do funcionário

O controle de ponto através do banco de horas é outra forma de otimizar a gestão de horas extras. Ao perceber que um funcionário acumulou um determinado número de horas no banco de horas, procure orquestrar esse tempo conversando com o funcionário. Para que, sejam distribuídas e readequadas da melhor forma.

Lembrando que essa compensação deve estar em conformidade com a legislação trabalhista vigente e o acordo coletivo do sindicato e cada categoria.

Reavalie métodos burocráticos de cada departamento

Muitas vezes um processo burocrático, por mais que funcione, pode gerar uma série de outros problemas que não são percebidos, especialmente por quem o faz.

Ao observar os métodos ou tarefas de produção em cada departamento de modo integrado e, conversar com os responsáveis para encontrar soluções de melhoria, algumas etapas, que se mostrarem desnecessárias ou de fácil ajuste, podem ser aperfeiçoadas.

Isso pode impactar positivamente na produtividade dos funcionários e reduzir muito a necessidade de horas extras.

Redistribua as tarefas

A redistribuição das tarefas de um departamento que demonstrou maior índice de horas extras, conforme apontamento do software de controle de ponto, pode dar mais clareza quanto ao real problema, se está atrelado ao volume de tarefas ou à maneira como cada funcionário desempenha o trabalho.

Essa ação pode ter resultados positivos a curto prazo, uma vez que capacita outros funcionários para funções diversificadas, aumenta a fluidez e prepara o departamento para afastamentos e saídas repentinas de outros colaboradores.

Explore as tecnologias sem medo

Os processos burocráticos herdados do departamento pessoal e tecnologias antigas ainda estão presentes em muitas empresas. A gestão de ponto é uma questão crucial que, sendo atualizada, resolve a curto prazo inúmeras questões da relação trabalhista.

Os profissionais de RH vivem o melhor momento da geração de tecnologia de software em nuvem, onde sistemas realizam todas as atividades manuais que antes consumiam um tempo precioso.

Ao adotar um sistema para controle de ponto em nuvem, o RH pode focar seus esforços na gestão estratégica de pessoas, análise de gráficos e ações mais precisas e voltadas ao bem estar dos colaboradores com aumento de produtividade.

 


Este conteúdo foi desenvolvido pelo núcleo de comunicação da iFractal, com base na experiência, informações e pesquisas nas áreas de Recursos Humanos e Tecnologia da Informação, sob a supervisão editorial de Caio Carraro Gomes da Costa. O compartilhamento deste conteúdo é livre, desde que citada a fonte e que não seja alterado, manipulado ou reeditado. As opiniões das entrevistas são de responsabilidade de seus autores e não refletem, necessariamente, a posição da iFractal.

1
  Posts Relacionados
  • No related posts found.