RH precisa se posicionar como protagonista da empresa

Posted by:

A pandemia do novo coronavírus mudou a rotina de indivíduos e organizações. Dentro das empresas, um dos setores mais afetados foi o Recursos Humanos. Isso porque, além de zelar pela saúde e bem estar das pessoas, cuidar da cultura da empresa e dos empregos, o RH precisa estruturar novas estratégias, como home office, banco de horas e férias coletivas.

Além disso, o recursos humanos deve acompanhar as novas práticas de legislação trabalhista.

De acordo com Andrea Deis, gestora de carreira, para lidar com esse novo cenário, o RH precisa se posicionar como protagonista da empresa. “O papel do RH deve ser de total transparência sobre o momento. Deve ser o canal de comunicação clara e com foco no importante para os colaboradores”.

Lúcia Almendra, professora de Gestão Estratégica de Recursos Humanos na Faculdade Arnaldo, uma das principais instituições de ensino superior de Belo Horizonte, comenta que este momento também deve ser visto como um período fértil para a possibilidade de revisão de projetos, otimização de políticas e práticas existentes internamente. 

Marília Cardoso, consultora de gestão e inovação, aconselha aproveitar o momento para estimular a colaboração da equipe. “Uma vez desenvolvido esse comportamento agora, provavelmente, ele irá perdurar quando a tempestade passar. Quanto mais as pessoas puderem se unir para trocar experiências de sucesso ou para ajudarem as outras, melhor para todos.” 

 


Este conteúdo foi desenvolvido pelo núcleo de comunicação da iFractal, com base na experiência, informações e pesquisas nas áreas de Recursos Humanos e Tecnologia da Informação, sob a supervisão editorial de Caio Carraro Gomes da Costa. O compartilhamento deste conteúdo é livre, desde que citada a fonte e que não seja alterado, manipulado ou reeditado. As opiniões das entrevistas são de responsabilidade de seus autores e não refletem, necessariamente, a posição da iFractal.

0
  Posts Relacionados